Espanhóis sagram-se campeões em pares

Espanhóis sagram-se campeões em pares

A dupla espanhola David Vega Hernandez/Arenas-Gualda venceu o duelo ibérico sobre Nuno Deus e João Domingues, tornando-se campeã do Quadro Principal de pares do Porto Open 2015.

Duante todo o o derradeiro encontro da variante de pares, o par composto por Arenas-Gualda e Vega Hernandez pareceu ter o embate controlado, algo que se reflecte nos parciais finais: 6-3 e 6-0. Apesar de os quartos cabeça-de-série da prova admitirem que não estão habituados a jogar juntos, esta “experiência” correu às mil maravilhas, tendo eliminado, no percurso até ao título, pares como Borges/Cabral, Completo/Ricardo Nunes e Ojeda Lara/Ricardo Rodriguez.

No final, após a entrega dos troféus, os jogadores espanhóis estavam deveras satisfeitos por “vingar” a prestação pouco conseguida (de ambos) no quadro de singulares. Recorde-se que, em singulares, Vega Hernandez e Arenas-Gualda foram afastados, na primeira ronda, por O. Giacalone e Javier Marti, respectivamente.

Esta derrota na final do Porto Open põe fim a uma impressionante sequência de quatro troféus consecutivos, como dupla, de Deus e Domingues. Apesar de tudo, os portugueses foram considerados, por Hernandez e Arenas-Gualda,  o adversário mais difícil que defrontaram no torneio.

A dupla espanhola sucede, desta forma, a Frederico Gil e Leonardo Tavares, o par português que venceu na variante de pares masculinos no Porto Open 2014.

PORTO OPEN – Campeonatos Internacionais de Portugal: a prova internacional de ténis da cidade do Porto, inscrita na ITF Women's World Tennis Tour (International Tennis Federation) e no ATP Challenger Tour pela Associação de Ténis do Porto e realizada no Complexo Desportivo Monte Aventino, em parceria com a Federação Portuguesa de Ténis, e com o especial apoio da Ágora Porto - Município do Porto.
Rua do Monte Aventino, 4350 - 233 Porto